Airlines, Aviação Comercial, Destaque

TAP lança novo A330 com decoração retrô


O primeiro avião da TAP com esta pintura “vintage” realiza voo inaugural hoje (segunda-feira) e fará com que muitos portugueses fitem o céu.

O Airbus A330-300, batizado de “Portugal”, é uma homenagem da TAP à sua já longa história, que é também a história do país. Hoje, tal como há 72 anos, a TAP cruza os céus representando Portugal e os portugueses.

A pintura do novo avião “Portugal” faz parte de um conjunto de ações programadas pela companhia para comemorar a sólida associação histórica entre a TAP e Portugal.

Antes de começar os voos comerciais de longa distância e se promover na América do Norte, na América do Sul e na África, o “Portugal” se apresenta nesta segunda-feira aos seus como verdadeiro embaixador do país, sobrevoando Lisboa e o Porto.

O “Portugal” é um dos três aviões Airbus A330-300 que a TAP receberá neste verão. Com os novos aviões, a companhia terá mais capacidade para cobrir as novas rotas. Principalmente a conexão com o Canadá (Toronto), inaugurada no último dia 10 de junho.

O avião, de matrícula CS-TOV, tem capacidade para 285 passageiros e ostenta a imagem corporativa da TAP utilizada entre os anos 50 e 70. A inscrição “Transportes Aéreos Portugueses” e o logotipo da companhia, conhecido popularmente como “Passarola”, foram fielmente recriados.

Este é o segundo avião da TAP que recebe o nome do país. O primeiro avião chamado “Portugal” foi um Boeing 747-200, recebido pela TAP em fevereiro de 1972.

A imagem clássica escolhida para este avião “vintage” é a mais emblemática das antigas marcas da companhia. Foi utilizada pela primeira vez num avião Lockheed Super Constellation, recebido pela TAP em julho de 1955. E o último a usá-la foi um Boeing 727-200.

Agora, as cores recobram o seu significado num moderníssimo Airbus A330-300.