Aviação Comercial, Indústria

Estreia o primeiro 737 MAX 7 da Boeing

A Boeing alcançou hoje mais um marco importante no desenvolvimento de aviões ao comemorar, com milhares de empregados, a estreia do primeiro 737 MAX 7 na fábrica de Renton, Washington.
O MAX 7 é o terceiro membro da família 737 MAX da Boeing e o último a sair da linha de montagem. O avião está projetado para transportar até 172 passageiros e tem uma autonomia máxima de uns 7.100 km, o maior alcance entre os aviões da família MAX.

As melhorias tecnológicas permitem que o MAX 7 voe 1.800 km a mais e leve mais passageiros do que seu antecessor, o 737-100. Além disso, apresenta uma redução de 18% no custo de combustível por assento.

O primeiro MAX 7 será submetido a verificações de sistema, combustível e motor na linha de voo em Renton. O avião, primeiro avião do modelo MAX 7 para voos de teste, começará o programa de voos de teste nas próximas semanas. Está previsto que o 737 MAX entre em serviço em 2019, após a entrega de lançamento à cliente Southwest Airlines.