Aviação Comercial, Destaque

Boeing 787 Dreamliner da TUI Fly no GRU Airport

Equipes da TUI Brasil e do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, se reúnem para receber o Boeing 787 da TUI Fly na manhã de 16 de Maio, completando a 17ª visita da subsidiária TUI Fly Netherlands à São Paulo neste ano.

Em 2020 e 2021, a demanda de voos para o transporte de cargas cresceu significativamente e espera-se que continue aumentando para atender à necessidade mundial de testes e distribuição de vacinas.
Muitas companhias aéreas estenderam suas operações de cargueiro existentes e também a TUI, maior grupo de turismo do mundo, pode demonstrar a sua grande capacidade devido à colaboração entre as suas várias equipes de aviação.

Já foram mais de 450 voos em todo o mundo desde o final do ano passado, quando a TUI aumentou o foco nas operações cargueiras, incluindo Ásia, EUA e America do Sul. A TUI também é única no sentido de que possui experiência de operação em locais exóticos por conta do programa de passageiros, não limitando-se a uma rede padrão. Os negócios já competem regularmente e com sucesso com transportadoras de carga mais tradicionais, como DHL, Lufthansa, KLM e British Airways.

Com uma frota de mais de 150 aviões, modelos do Boeing 737, 767 e 787-8 Dreamliner que são originalmente destinados ao transporte de passageiros, podem ser adaptados para o transporte de carga devido ao seu tamanho e modelo, suprindo a capacidade necessária para muitas companhias em importação e exportação. As viagens ao Brasil, por exemplo, aceleram o mercado de peças automotivas e perecíveis.

O GRU Airport é o aeroporto no Brasil que recebeu o maior número de voos até o momento, com mais dois confirmados para o final de Maio, mas também cidades como Brasilia, Rio de Janeiro e outros países da América do Sul são foco de negócios.